Pesquisa personalizada

25 de junho de 2007

E LEMBREI-ME DA DORY DO "À PROCURA DE NEMO"

Peço um galão à empregada de um dos muitos cafés do Corte Inglés, que me recebe com um "bom dia senhor" invulgar em empregados de sotaque português. A empregada vira-se para a máquina e passados dois segundos está-me a perguntar, "o senhor é um café?" "Um galão," respondo-lhe.

2 comentários:

António Pires disse...

Jorge,

Desculpa-me (hoje sinto-me especialmente cínico): o «senhor» é porque estás a ficar mais velho; o resto é só a generalizada incompetência lusitana...

menina-alice disse...

:D O senhor é um café, assim descontextualizado, até fica engraçado.