Pesquisa personalizada

9 de março de 2007

ESQUERDA CAVIAR

É possível defender os direitos do trabalhador vestido com um pullover Lacoste?

4 comentários:

Jorge Manuel Lopes disse...

Claro que sim - desde que seja um pullover roubado; ou comprado nos ciganos da feira de Espinho.

Cesar disse...

é um pouco complicado... mas os tugas já estão habituados a vender gato por lebre e a desenrascar qualquer coisinha..

Anónimo disse...

Nunca percebi bem essa linha de argumentação. Isso obriga qualquer miltante do PP a usar um pullover Lacoste ou uma camisa Sacoor. Isso impede qualquer militante do PP de andar com uma peça de roupa barata da Zara? Não entendo, nem nunca entendi a necessidade de se misturar política com peças de vestuário (ou com os carros que cada qual tem ou deixa de ter). Abraço de um leitor assíduo.

Paulo disse...

Claro que sim. Por exemplo, se os sindicalistas se preocupassem com a performance dos trabalhadores enquanto tal, estariam a transmitir algo como «se vocês forem tão bons nas vossas funções como eu nas minhas (lol), também poderiam ter um pólo Lacoste.»